Olá amigos,

Na newsletter anterior, falamos sobre a melhor maneira de dormir em Redes, neste mês vamos falar um pouco sobre como evitar o frio na hora de dormir.

Apesar de ser largamente utilizada como cama no nordeste e norte do Brasil (praticamente só se dorme em rede), o método de se acampar com rede no sul e sudeste não é tão difundido. Provavelmente, essa cultura de dormir em redes dos nordestinos, venha do fato da rede ser muito fresca, pois dormir em colchão se torna desagradável, pelo calor. Essa vantagem para eles, acaba se tornando quase uma desvantagem para as regiões mais frescas, pois o dorminhoco acaba ficando com frio.

Isso se resolve muito bem, utilizando-se um saco de dormir ou uma coberta, entre a rede e o nosso dorminhoco. Até para casos mais frios (uns 10°C, por exemplo) existe solução: além do saco de dormir, você pode deitar-se sobre um isolante térmico auto-inflável ou mesmo um isolante de EVA expandido, dentro da rede. Isso faz com que as suas costas fiquem isoladas do frio. Nesses casos, apenas o saco de dormir não é suficiente, pois o que isola é a camada de ar, que o saco de dormir é capaz de armazenar dentro das suas câmaras. Quando você se deita sobre ele, essas câmaras são esmagadas e praticamente não existe ar para te isolar nos pontos de contato com o solo ou com a rede. Exatamente nesses locais é que ocorre a maior perda de calor. O mesmo acontece na barraca, se você dorme no saco de dormir, sem o isolante térmico auto-inflável ou de EVA.

Por hoje é só, até a próxima newsletter com dicas e novidades sobre o meio outdoor.

Christian Fuchs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *